Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Neil Gaiman’ Category

Hoje vi no site da Conrad que o décimo e último volume da série Sandman, de Neil Gaiman, chegará às livrarias no final do mês. Será uma emoção enorme ver Despertar (The Wake) cá na minha prateleira. Passei os últimos sei-lá-quantos-anos esperando pacientemente cada parte do quebra-cabeça em versão ultra-deluxe que a Conrad vinha publicando. Mais que isso, passei esse tempo todo rezando para que a editora tivesse fôlego para terminar a série. Ficava pensando: e se a Corad quebrar no meio da série? E se eles perceberem que é comercialmente inviável? E se…? E se…?

Sandman, além de ser uma obra-prima em vários níveis, tem gosto de adolescência para mim. Lembro de estar na varanda de meu amigo Wario, um volume de Vampiro: A Máscara na mesa, folheando uma Sandman encadernada vinda direto dos EUA. E ele dizendo “um dia eu vou ter coleção toda” e a gente enlouquecido com aquilo. Talvez a cronologia não esteja correta, mas a série me provoca essa lembrança.

Só fui ler a série completa anos depois, já nos tempos do peer-to-peer. Baixei mesmo, sem dor na consciência e hoje cá estou eu, com uns R$ 1 mil em papel couchê no topo da minha estante, doido pra comprar o último capítulo da série.

Foi um sonho bem longo. Mas o despertar não é, necessariamente, um mau momento.

P.S. 1: Que tal uma mega-resenha de Sandman assim que sair o volume final?
P.S.2: Em seu blog, Gaiman relata sua experiência no Brasil, detalhando a sessão de autógrafos com 600 pessoas.
P.S.3: Eu ainda não entendi o motivo do Coisas Frágeis ter menos da metade dos contos do original. Alguém pode me explicar?

Anúncios

Read Full Post »

A dica é de Carol do Zuper. A graphic novel Comic Book Tattoo baseada nas músicas da Tori Amos (e que conterá uma história introdução de Neil Gaiman), ganhou um blog. O site vai mostrar o passo-a-passo de produção da revista e já tem material lá. Aliás, excelente para quem tem curiosidade de saber como se escreve um roteiro de quadrinhos.

P.S.: vamos tentar voltar à programação regular aqui, ok?

Read Full Post »

Deu no Omelete.com: o escritor Neil Gaiman vem ao Brasil para o lançamento de Coisas Frágeis (Fragile Things), que sairá pela Conrad. O livro vai ser lançado na Feira Literária Internacional de Paraty (Flip), que acontece entre 2 e 6 de julho.

Exatamente na mesma semana, mais precisamente nos dias 5 e 6, acontece a Fantasticon 2008. Ao que me consta, são cerca de quatro horas de distância entre Sampa e Paraty (com ou sem engarrafamento?). Não sei se é muita areia, mas bem que a turma da Fantasticon/EIRPG podia tentar articular uma visita de Mr. Gaiman, hein?

Alguém da Fantasticon me lê? Alguém da Conrad? Alguém da Livraria Cultura?

Read Full Post »

 

É isso mesmo. Em seu blog, Neil Gaiman aparentemente reclamou da ausência de brasileiros inscritos no Anticipation, a 67a edição da WorldCon, a convenção mundial de Ficção Científica, mais conhecida por ser a festa do Hugo Awards. A Anticipation acontecerá em Montreal, Canadá, em agosto de 2009.

Comentando sobre o fato de haver um mapa (acima) registrando o número de membros inscritos, Gaiman destacou que “não há uma única pessoa da Europa Oriental, China ou mesmo do Brasil”. De fato, o mapa é curioso. Há mais venezualanos inscritos que brasileiros. Mais sul-africanos que brasileiros. Não somos melhores que ninguém, claro, mas a África do Sul é no meio do caminho do outro lado do mundo. Logo, distância não é desculpa.

Então, se Gaiman convidou, o mínimo é considerar a possibilidade. E aí, vamos para a Anticipation? A inscrição custa cerca de US$ 200. Tem um ano e meio até lá.

###

That’s it. In his blog, it seems that Neil Gaiman complained about the absence of Brazilians attending Anticipation, the 67th WorldCon, also known as the Hugo Awards party. Anticipation will happen in Montreal, Canada, in august 2009.

Commenting about a map (above) registering the number of attending members, Gaiman said that “right now there’s no-one at all from Eastern Europe or China or even Brazil”. In fact, the map is really interesting. There are more Venezuelans attending than Brazilians. More South-Africans than Brazilians. Of course, we ain’t better than anyone, but South Africa is halfway to the other side of the planet. So distance isn’t an excuse.

So, if Gaiman invited, the least we can do is consider the possibility. What do you say, let’s go to Anticipation? Membership is about US$ 200. There’s a year and a half until then.

 

Read Full Post »

GY BOOK SUB cover final front small.jpg

Olhem que sinistra a capa do novo livro do Neil Gaiman, The Graveyard Book. O livro, que só deve sair daqui a 27 semanas (de acordo com o timer no blog do autor), é inspirado no The Jungle Book, aquele que conta a história de Mowgli. Mas ao invés de contar a história de um garoto criado por lobos em uma floresta, o Graveyard Book é sobre uma criança criada pelos defuntos moradores de um cemitério. E o livro é infanto-juvenil. Capaz do livro ser publicado por aqui, já que Gaiman é bem popular no País.

(via SF Signal)

Read Full Post »